Uma receita para o Meatless Monday: risoto de couve crespa!

22 Jan 2020

Mais uma vez, lançamos o desafio de Meat the Change: comer menos (algumas vezes, muito menos) carne e sempre de animais de criação extensiva, o mais sustentável possível. Uma mensagem que compartilhamos com Meatless Monday, a campanha que propõe que não se coma carne no primeiro dia da semana.

Existe uma tensão positiva entre um menor consumo de carne e um consumo de carne melhor. Acreditamos que as criações extensivas e que respeitam o bem-estar animal podem representar uma prática positiva para todos: animais, homem e meio ambiente. De qualquer forma, a redução do consumo é obrigatória: precisamos abandonar o hábito de incluir a carne em todas as refeições. Atingir esse resultado significa ganhar também em sabor e saúde: nos referimos a nossa tradição gastronômica.

Os pratos vegetarianos ou veganos são abundantes na cozinha italiana e a biodiversidade de leguminosas (ricas em proteínas vegetais) com certeza não dão espaço para a monotonia! Alguns exemplos? A cecina ou farinata, um tipo de torta de grão-de-bico, comum no sul do Piemonte, na Ligúria, na Toscana e no norte da Sardenha, ou a ribollita, uma sopa rica em verduras; a paparotta, um doce da Campânia; e a millecosedde, mais uma sopa, da região da Calábria. width=

Meatless Monday pelo mundo

Começando no novo ano, o Ano do Rato, o Meatless Monday desembarca na China com uma competição culinária promovida pelo Slow Food Great China e o Good Food Fund (organização que trabalha para promover a alimentação sustentável na China), incluindo mais de uma dezena de verduras da Arca do Gosto. A China, com sua imensa população, a sua tendência de crescimento e o aumento do consumo de carne industrial, representa uma das frentes de batalha mais importantes para o Meat the Change. Usando a calculadora climática desenvolvida pelo Johns Hopkins’ Center for a Livable Future (Centro John Hopkins para um futuro viável?), calculamos a redução potencial do impacto se os consumidores chineses não comessem carne uma vez por semana. A competição culinária aconteceu na cidade de Xinzhuang, distrito de Changpin, com população de 1.098.000 pessoas.

Se cada morador do distrito participasse do Meatless Monday durante todo o ano de 2020, teríamos uma redução de CO2 de 75.432.600 kg, que corresponde às emissões de 405.610.492 passageiros em milhas aéreas. Em outras palavras, não comer carne nas segundas-feiras reduziria emissões de CO2 equivalentes a 29.632 viagens entre Beijing e Nova Iorque (ida e volta)!

Mudar não é fácil! Achamos que temos sempre pouco tempo para cozinhar, ou poucos recursos e, no final, prejudicamos sempre a nossa dieta. Mais ainda, esses problemas cotidianos são ótimos motivos para abraçar o Meatless Monday, que permite reviver as receitas tradicionais que colocam as verduras no centro da refeição. Cada cultura tem as suas:  de Moros y Cristianos (feijão preto e arroz), de Veracruz, servido com banana verde, ao spaghetti ‘ca muddica (espaguete com farinha de rosca).

A receita da semana para o Meatless Monday

Esta receita vem do Piemonte e é preparada principalmente na região de Vercelli, o risoto com couve crespa, perfeita para esta segunda-feira sem carne.

Compartilhe suas receitas online, usando as hashtags #MeatlessMonday e #MeattheChange. Compartilhe conosco as receitas de sua região, que publicaremos nas contas Slow Food. Se incluírem ingredientes da Arca do Gosto, melhor ainda!  width=

Risoto com couve crespa

4 porções

O arroz é um ingrediente barato, mesmo sendo uma das variedades da Arca do Gosto. No risoto, o grão de arroz curto (como no arroz Arborio) absorve menos líquido, resultando em um risoto cremoso. Um arroz semelhante ao Arborio, que faz parte da Arca do Gosto, é o arroz gigante de Vercelli, que se adapta muito bem ao preparo de risotos.

Ingredientes:

60 g de manteiga
Uma cebola amarela média, cortada em cubinhos
2 folhas de sálvia
200 g de arroz
350 g de couve crespa, já limpa e cortada em tirinhas
1 copo de vinho branco (se não tiver, substituir por um copo de caldo)
2 l de caldo de verduras, fervente
80 g de queijo Parmigiano reggiano ralado

Preparo:

  • Em uma panela grande e larga, em fogo médio, derreter a manteiga. Acrescentar a cebola e a sálvia. Dourar levemente a cebola por alguns minutos.
  • Acrescentar o arroz e refogar por alguns minutos. Acrescentar a couve e depois o vinho branco. Deixar o vinho evaporar, cozinhando por 5 minutos.
  • Pouco a pouco, acrescentar o caldo ao arroz com couve, sempre em fogo médio-baixo, continuando a mexer, até que o arroz esteja cozido, por cerca de 15 minutos.
  • Apagar o fogo e misturar bem o risoto com o queijo parmigiano. Por fim, ajustar o sal e a pimenta.

 

Mude o mundo através da comida

Aprenda como você pode restaurar ecossistemas, comunidades e sua própria saúde com nosso kit de ferramentas RegeneAction.

Please enable JavaScript in your browser to complete this form.
Nome
Privacy Policy
Newsletter