As exposições de Terra Madre Salone del Gusto

15 Set 2016

 

lucrezia-ponzano1_crop

Durante o Terra Madre Salone del Gusto você poderá descobrir uma face inédita da cidade de Turim que, nos museus, pátios, pórticos e ruas do centro dará a oportunidade de explorar o tema do alimento a partir de diversos pontos de vista. Para que isso fosse possível fizemos convênios especiais para os sócios de Slow Food que, durante os cinco dias do evento poderão usufruir de descontos para os bilhetes de entrada de exposições, museus e outros eventos culturais programados na cidade e nas Residências Reais.

 

Fotografias e visitas a museus dedicadas aos alimentos no Egito

Museu Egípcio, via Accademia delle Scienze 6

Um itinerário entre alimentos que, ontem e hoje, caracterizam a alimentação egípcia. No pátio do museu com a exposição fotográfica Dall’assenzio del Sinai al pane meraharah (Do absinto do Sinai ao pão meraharah) você descobrirá alguns dos produtos mais inesperados e interessantes da Arca do Gosto. Internamente al museo, due percorsi guidati: Una fame da oltretomba (sab. e dom. dalle 10:10 alle 11:40) attraverso cui i bambini impareranno a conoscere gli ingredienti più comuni e i prodotti più pregiati riservati invece alle tavole di faraoni e dèi, e A tavola con gli Egizi (gio., ven., sab e dom. dalle 16:30 alle 18), un viaggio tra i preziosi reperti della collezione del Museo per approfondire le conoscenze della cultura materiale nell’Antico Egitto.

A exposição fotográfica (Qui. – seg.) pode ser visitada com entrada livre e gratuita. I due percorsi guidati hanno un costo di 5 euro, oltre al biglietto del Museo. Prenota il tuo percorso telefonando al 0114406903.

Il biglietto per il Museo costa 15 euro prezzo intero, 11 euro soci Slow Food.

Abertura do Museu: Qui. Sex. e Sáb. de 9:00 às 22:30 (última entrada às 22:00); Dom. e Seg. de 9:00 às 18:30 (última entrada às 17:30).

 

Brasil, Angola e Moçambique: exposição de produtores e de produtos dos países lusófonos

Pátio do Castello del Valentino

Realizadas pelas fotógrafas Paola Viesi e Iêda Lúcia Marques de Almeida, as imagens desta exposição retratam comunidades de camponeses e pescadores identificados graças a um trabalho de mapeamento dos produtos tradicionais do estado da Bahia, no Brasil, da área metropolitana de Maputo, no Moçambique e da província de Namibe na Angola. Esta exposição foi realizada no âmbito de G.L.O.B., um projeto de cooperação internacional financiado pela União Europeia.

Entrada livre e gratuita (Qui. – Seg.) de 10:00 a 19:00.

 

A revolução das hortas, novas práticas e novos significados do cultivar nas cidades

Em cena no Urban Center Metropolitano e na Piazza Palazzo di Città

Nas sacadas, nos canteiros, nas periferias, nos leitos dos rios, nos tetos… As hortas urbanas podem desencadear mudanças positivas, tanto nas escolas, como nos cárceres ou nos hospitais… Porque cultivar o próprio alimento significa compreender seu valor e aprender a não desperdiçar, estabelecer uma relação íntima com a terra e ter à disposição verduras frescas, saudáveis e boas.

Entrada livre e gratuita (Qui. -Seg.) das 10:00 às 18:00 no Urban Center, também sob os pórticos da praça Palazzo di Città.

 

Cracking Art: uma invasão de caracóis coloridos no centro de Turim

Cracking Art é o movimento artístico conhecido pela instalação de animais gigantes feitos com plástico regenerável De Shangay a Milão, de Sydney a Caserta, lobos, tartarugas, ursos, pinguins e suricatos de cores vivazes já “invadiram” as praças dos centros urbanos, jardins monumentais, casas históricas e muitos outros lugares do mundo…. Para Terra Madre Salone del Gusto não poderiam faltar imensos caracóis, que mostram-se nos lugares mais inusitados de Turim.

Quando passear pelo evento, procure os caracóis, fotografe-os e compartilhe-os nas redes sociais.

As instalações de Cracking Art foram realizadas com o apoio da Fundação pela Arte Moderna e Contemporânea Crt.

the-earth-defenders-2015-lavazza-calendar-future-in-our-hands-tanzania

 

The Earth Defenders, os defensores da terra

Espaço Lavazza, ex Borsa Valori, via San Francesco da Paola, 28

Realizados com a colaboração de Slow Food em prol de projetos de Terra Madre, os calendários Lavazza tiveram protagonistas nestes últimos três anos fotógrafos do gabarito de Steve McCurry, Joey L. e, este ano de um novo grande nome da fotografia internacional.

Entrada livre e gratuita (Qui.-Seg.), das 10-22.

 

E além disso…

 

Organismos – Da Art Nouveau de Émile Gallé à bioarquitetura

Galleria Civica d’Arte Moderna e Contemporânea, via Magenta 31

de quinta-feira a domingo de 11:00 a 19:00

 

Projeções e degustações dedicadas ao Oriente

Museo di Arte Orientale, via San Domenico 9-11

Quinta-feira, 22, a partir das 15 horas e domingo, 25, às 16 horas

 

The Lexicon of Sustainability: palavras e imagens para querer bem à Terra

sob os pórticos de via Po

todos os dias entrada livre e gratuita

 

Pintando com gosto

Pinacoteca Albertina, via Accademia Albertina 6

Sábado 24 e domingo 25, de 10:00 a 18:00

 

Cucurbita sapiens: uma abóbora para milhares de usos

Borgo Medievale del Parco del Valentino

Todos os dias, entrada livre e gratuita de 9:00 a 19:00

 

Querer bem à Terra: gestos, alimentos e lugares do mundo

Aeroporto de Torino Caselle

todos os dias entrada livre e gratuita

 

Fome de trabalho – Historias de gastronomias operárias

Pátio do Castello del Valentino

todos os dias, entrada livre e gratuita de 9:00 a 19:00

 

Para descobrir todas as exposições e formas de entrada e para ter mais informações acesse o site www.slowfood.it ou compre o programa do evento.

Mude o mundo através da comida

Aprenda como você pode restaurar ecossistemas, comunidades e sua própria saúde com nosso kit de ferramentas RegeneAction.

Please enable JavaScript in your browser to complete this form.
Nome
Privacy Policy
Newsletter