A receita da Aliança de Cozinheiros da Albânia

19 Abr 2021

Altin Prenga nasceu em Fishtë, um vilarejo no condado de Lezhë, na Albânia. Depois de 11 anos trabalhando em diversos restaurantes da Itália – no Trentino, na Lombardia e no Piemonte –, voltou para o seu país, onde, com seu irmão Anton, transformou a propriedade da família em Fishtë na estrutura de agroturismo “Mrizi i Zanave” (À Sombra das Fadas).

Juntos criaram uma fazenda que aposta na cadeia curta de abastecimentos, com foco em produtos frescos e respeito pela sazonalidade e tradições, com uma inovação adicional no processamento das matérias-primas.

receita Albânia

Desde 2015, Altin e Anton Prenga estão entre os primeiros integrantes da rede albanesa do Slow Food e da Aliança de Cozinheiros Slow Food.

Um dos principais desafios de Altin e Anton é reconstruir a história local ligada à terra, também graças à resiliência dos agricultores mais velhos, que preservaram as tradições. Ao lado dos cozinheiros da Aliança de Cozinheiros Slow Food, estão recuperando a cultura local e a identidade ligada aos alimentos que estavam em risco de desaparecer. Eles estão tentando manter as tradições com a inovação necessária que permite melhorar a qualidade de seus produtos e a qualidade de vida dos produtores.

Graças ao projeto Promoting the consumption of organic, traditional, and GI food products of Albania (Promovendo o consumo de alimentos orgânicos, tradicionais e com indicação geográfica da Albânia), financiado pela FAO e implementado pela VIS Albânia, foi publicado o livro “A Arca do Gosto na Albânia”, do qual participou toda a rede, a sede da Universidade de Ciências Gastronômicas e o Slow Food. Como parte disso, Altin e Anton tiveram a ideia de organizar uma master class, onde Granny Vida, com os trajes tradicionais típicos de Zadrima, explica como se prepara um tradicional laknur tradicional de feijão. Os ingredientes são típicos da região, autênticos e de produtores locais, incluindo creme de leite, farinha de milho e feijão Kallmet.

No passado, era considerada uma receita pobre, mas hoje está entre os pratos mais servidos no Mrizi I Zanave.

receita Albânia

A receita

INGREDIENTES (6-8- pessoas)

250 g de farinha para a massa (tipo 0 ou 1, melhor se moída em moinho de pedra)
100 g de farinha para abrir a massa
250 ml de água
100 ml de óleo
200 ml de creme de leite fermentado “maze”
Sal
200 g de feijão

MODO DE PREPARAR

1- Escolha o feijão: o Kallmet é o melhor feijão para o “laknur” com feijão. Um outro tipo de feijão, chamado “feijão cego”, era usado nesta receita: tinha a mesma cor, mas era um pouco menor. Ainda assim, o feijão Kallmet é muito bom e torna o “laknur” muito saboroso.

2- Moa o trigo.

3- Separe o creme de leite.

4- Peneire a farinha.

5- Prepare a massa para o laknur.

6- Estender a massa em folhas: depois de amassar, é importante abrir a massa em folhas muito finas.

7- Asse as folhas de massa no “saç”.

8- Ferva o feijão.

9- Refogue alho e pimenta malagueta em azeite de oliva.

10- Separe o feijão do caldo.

11- Unte a assadeira com manteiga.

12- Coloque uma camada de folhas de massa já assadas na assadeira.

13- Acrescente uma camada de feijão.

14- Acrescente uma folha molhada no caldo de feijão.

15- Acrescente outra camada de feijão.

16- No final, cubra com o creme de leite.

17- Asse o laknur.

18- E bom apetite!

Mude o mundo através da comida

Aprenda como você pode restaurar ecossistemas, comunidades e sua própria saúde com nosso kit de ferramentas RegeneAction.

Please enable JavaScript in your browser to complete this form.
Nome
Privacy Policy
Newsletter